Buscar

Alergias Sazonais

Sabia que mais de 20% da população sofre de alergias sazonais?


As alergias acontecem quando o nosso sistema imunológico reage a algo a qual o nosso organismo não está habituado.



Espirros, olhos a lacrimejar, aquele pingo no nariz e/ou obstrução nasal, tosse alérgica, urticária e comichão no nariz e garganta são reações alérgicas que afetam, mundialmente, mais de 20% da população. Normalmente são sintomas que aparecem sazonalmente mas também depende da pessoa e do alérgeno.


Mas porque é que temos estas reações?

Ao entrarmos em contacto com o alérgeno, o nosso corpo defende-se e reage de forma exacerbada, provocando uma reação de cascata ao libertar via mastocitos, a histamina.

Esta reação tem como principal objetivo livrar-se deste alérgeno e por isso é que o corpo reage com os sintomas que tão bem conhecemos.


E porque é que isto acontece?

A histamina liga-se aos recetores nos vasos sanguíneos próximos, causando a sua dilatação e também se liga a outros recetores localizados nos tecidos nasais, causando inchaço, comichão, obstrução nasal e corrimento nasal.


O que causa elevados níveis de histamina?

Naturalmente, o nosso corpo produz histamina para ajudar o organismo a defender-se e a proteger o sistema imunitário. O metabolismo da histamina é determinado pela a enzima DAO (Diamine Oxidase), que tem um papel fundamental em disseminar a histamina que ingerimos em excesso nos alimentos, prejudicando o nosso organismo. Estudos dizem que 95% da atividade desta enzima é feita no intestino.

Se apresentar um défice enzimático de DAO, vai existir uma acumulação de histamina no sangue e isto agrava os seus sintomas. Este défice pode resultar de doenças intestinais inflamatórias, da toma de medicamentos que bloqueiam a função e a produção de DAO e do consumo exagerado de alimentos ricos em histamina.

O que podemos fazer para melhorar estes desconforto sazonais:


Como quase sempre, a alimentação é o ponto de partida e neste caso, o indicado é apostar numa dieta para controlar os níveis de histamina no seu corpo.


Evitar alimentos que aumentem os níveis de histamina:


Bebidas - bebidas alcoólicas, refrigerantes, bebidas energéticas, chá preto, chá verde;

Frutas - banana, ananás, kiwi, abacate, laranja, papaia;

Legumes - tomate, beringela, espinafres, feijão. grão de bico;

Carnes/Peixes - carnes (especialmente de porco), carne processada, marisco, peixe fumado, peixe de conserva;

Lacticinios: Queijos fortes e leite;

Oleaginosas: nozes e amendoins;

O que tomar?

Vitamina E 800mg (ao dia)

Quercitina 1g por dia

Probióticos - Lactobacillus Gasseri e Bifidobacterium Longum


Lembre-se que todos os organismos são diferentes, por isso a melhor solução será sempre marcar uma consulta para garantir um acompanhamento especializado e adequado.

Na Clínica Tâmara Castelo, esperamos por si.

#oconsultoriodatamara




Posts recentes

Ver tudo